LUIZ CARLOS

LUIZ CARLOS
OLÁ! SEJA BEM VINDO/a AO DENTRO DA MINHA CABEÇA! SINTA-SE A VONTADE PARA PARTICIPAR, DEIXANDO O SEU COMENTÁRIO!

segunda-feira, 25 de agosto de 2008

Contramão...


Sempre ouvi falar do tempo. Dos medos, e da solidão! Sempre andei no sentido oposto ao vento. Seguindo caminhos contrários, e pagando caro por meus enganos! Mas mantive minha trajetória... Andando na contramão do que não gosto. Fazendo apenas o que quero, e sem me arrepender de nada... Tudo bem! Nem tudo é alegria! Mas levo assim minha vida!... Pagando o preço que custar, e nunca achando alto demais... Não achando graça na dor, mas sabendo que a minha não é maior que a de ninguém. E se às vezes sofro por haver tomado o caminho errado... Eu sei! Foi só porque me arrisquei... E sei também, que quando há triunfo... É pelo mesmo motivo!... Então sigo enfrente, mudando apenas o necessário. Seguindo a lei. Mas depois disso, minha cabeça, e meu coração... Talvez até algum conselho amigo, de um bom amigo que eu tenha, e estime, e que me estimule a ser quem sou, quando eu estiver confuso! Sempre ouvi falar do tempo... Que ele é implacável. Que cura qualquer dor... E sempre ouvi falar dos medos, vindos ao decorrer dos tempos... Medos de solidão!... Todo mundo tem este medo, ou um outro semelhante!... Eu também tenho! Mas não me importo... Não estou pensando nisso agora! O futuro é estranho mesmo!... Chegando lá a gente vê como é!... Vou seguindo a contramão do vento... Mas no final de tudo... Pode ser que ele me empurre!

LUIZ CAIO.

3 comentários:

sp disse...

Seguindo caminhos contrários/ pagando caro por meus enganos/Andando na contramão do que não gosto/ sem me arrepender de nada/ Nem tudo é alegria/ Pagando o preço que custar, e nunca achando alto demais/

pois! a isto chama-se viver e personalidade.

um abraço... peludo.

Margarida disse...

ola!
vim retribuir a visita e gostei imenso do que encontrei! Gostei das palavras e a forma como as conjuga..
Enquanto isso, continue vivendo na contramao do que nao gosta, e sinta cada momento da vida tocando a sua pele..
um beijo

JOICE WORM disse...

Oi Caio... É engraçado como volta e meia todos nós passamos por estas questões que expões aqui. Não há ninguém perfeito, amigo, e por este motivo e por nos relacionarmos uns com os outros e não poder agradar à todos, por círculo vicioso, automaticamente os bens materiais também passam de mão em mão. Hoje eu tenho amanhã, tens tu... E o maravilhoso da vida é a oportunidade de poder experimentar além de coisas boas, também os contratempos... Deixa lá. Tudo passa. Graças a Deus!!
(Como diz a Magda do Sai de Baixo...- Tudo passa, até a uva passa!). Enfim! Um grande abraço para ti.
Vou te linckar no meu Blog agora mesmo. Assim vejo quando vc actualiza o seu. E não demoro tanto de vir. Um bj. grande.